17.1.09

dezessete e trinta

Achei que ao menos o fim de semana iria ser melhor, grande engano...Estou tão cansada das pessoas, mas tão cansada que tenho vontade de desaparecer, queria ser invisível para que ninguém pudesse me olhar, me vigiar, falar merda...enfim, essas coisas.
Eu estou sempre quieta, na minha, evito falar, olhar, mas a perseguição é maior, é impressionante como as pessoas não conseguem ficar quietas, elas tem necessidade de falar a todo momento, tem necessidade de escutar, nem que seja merda, elas querem é falar e ouvir, isso me cansa.
Será que ninguém consegue ficar em silêncio?
Será que ninguém consegue guardar as coisas pra si?
Por que as pessoas dependem tanto de alguém para escutá-las?
É tão patético e chato que me irrita.

Enfim, estou cansada...o texto está chato, acabei de tomar uma puta chuva pq meu guarda-chuva fez o favor de quebrar no meio da rua, uma bosta este sábado, definitivamente, espero ao menos que a noite eu consiga ler sossegada, sem ninguém no meu pé.
Vidinha monótona é foda.

Um comentário:

nattiepallenberg disse...

hahahaha é horrivel mesmo tudo isso. te entendo perfeitamente.
saudades de vc, querida. espero que fique bem. um beijaaaaaao